NWO TOP 10 #55 - Melhores Lutas de 2017


Hello Everyone e bem vindos a última edição do NWO TOP 10 nessa última quarta feira de 2017, e assim como no ano passado vamos fechar esse ano com a minha lista das melhores lutas que aconteceram em 2017. Então venha comigo ver o que de melhor rolou dentro de ringue nesse ano que sem duvida foi histórico para o wrestling.

10.AJ Styles vs Finn Bálor - TLC 2017


Começamos com uma luta que na teoria nem deveria ter acontecido, Bálor vs AJ Styles que só não foi Bálor vs Sister Abgail (Bray Wyatt de batom e pano na cara) porque teve um surto de meningite no roster do RAW que atingiu Bray que teve que ser trocado um dia antes, e vou dizer os dois ex- membros da Bullet Club roubaram completamente o show. Eles já começaram com sequencias rápidas com os dois tentando ganhar o controle da luta e já mostrando muita química, AJ ganhou o controle com o seu dropkick e um Forearm, mas Bálor reagiu com vários chops, mandando Styles para fora do ringue e realizando seu Tope Con Hilo, voltando ao ringue AJ reagiu mas Finn atacou com seus poderosos dropkicks, mandando um que inclusive mandou o Phenomenal contra a barricade, o Demon poderia ter vencido por count out mas quebrou a contagem, quando os dois voltaram ao ringue fizeram outra sequencia incrível que acabou com um Pelé Kick de Bálor. No final Finn subiu no top rope mas AJ reagiu com um Pelé Kick também e uma Hurricanrana de la de cima que não foi suficiente para encerrar a luta, ele tentou o seu Springboard 450 splash mas Finn desviou, o Demon King então fez um chotesline e seu dropkick no corner antes de finalmente fazer seu Coup De Grace |(que pareceu devastador) para encerrar a luta, após o combate ambos se olharam e fizeram o sinal do Too Sweet. AJ e Bálor pegaram os quase 20 minutos que deram para eles e fizeram uma luta competitiva, dinâmica e a altura do que se esperava dos dois wrestlers, deixando ainda mais hype para uma futura luta entre eles agora sim com feud e storyline e abrindo nossa lista.


9.Will Ospreay vs Rey Mysterio - WCPW Pro Wrestling World Cup 2017


Aqui temos um dos maiores high flyers da velha guarda que ainda esta com tudo mesmo no auto dos seus 43 anos e o na minha opinião melhor high flyer da atualidade, juntos só poderia sair coisa boa entre eles, e eles fizeram uma das melhores lutas desse gênero no ano. Eles começaram se cumprimentando e depois partindo para uma sequencia cheia de flips e vários moves, Rey mandou Ospreay para fora do ringue e fez seu Suicide Dive da primeira corda tomando assim o controle do começo da luta, quando ele foi tentar um Springboard Will acertou um dropkick in the midair, o inglês então começou a trabalhar a perna do adversário, Mysterio tentou um Moounsault, Will segurou ele e Rey fez um incrível DDT, o latino então fez seu comeback, Ospreay respondeu com um Springboard Chotesline, Rey respondeu fazendo o Canadian Destroyer mais bonito de 2017 num timing perfeito com o rival. Mysterio mandou o inglês para as cordas e tentou o 619 que Ospreay desviou no ultimo momento, ele tentou novamente mas Will segurou suas pernas, ele acertou seu  superkick no corner no adversário e mais um chute que mandou Rey para as cordas na posição para o 619, Ospreay tentou fazer o finisher do adversário mas dessa vez foi Mysterio que desviou, os dois encaixaram uma sequencia sensacional com um Bulldog da terceira corda e um Spanish Fly, Rey finalmente conseguiu realizar o 619 mas quando fez o splash para encerrar a luta Will counterzou, ele então fez seu Corkscrew Kick e o Oscutter para finalmente vencer o combate. Como eu disse foi uma das melhores lutas no estilo high flyer do ano e praticamente uma dream match do estilo e Rey mais uma vez mostra estar inteiraço aparecendo entre as melhores lutas pelo segundo ano seguido.


8.AJ Styles vs John Cena - Royal Rumble 2017


Ano passado esses dois fizeram uma das melhores lutas da WWE em 2016 então todos estávamos esperando para a próxima vez que John Cena e AJ Styles se encontrariam em um ringue de novo, principalmente pelo jeito que a outra luta acabou com AJ vencendo Cena limpo, e eles conseguiram superar a sua primeira luta no Royal Rumble desse ano. Os dois começaram trocando socos, Cena logo tentou o primeiro AA mas Styles caiu em pé e atacou o adversário com alguns chutes, John então reagiu com seu comeback, eles fizeram uma sequencia de counters, AJ começou a tomar controle da luta mas logo o Leader Of Cenation reagiu com um Lariato e seu Five Knuckle Shuffle, e logo depois fez o Attitude Adjustament, porém o Phenomenal deu kick out no 2, Cena aplicou mais um Lariato, mas quando tentou outro Styles desviou e fez o Pelé Kick, logo depois ele encaixou o Phenomenal Forearm que também não foi suficiente para acabar com o combate. Os dois wrestlers trocaram socos, AJ tentou o Styles Clash, Cena tentou reverter no AA, Styles reverteu no Calfkiller e John reverteu no STF, parecia que AJ daria o tap out mas então o mesmo conseguiu sair da submission e fez o STF no próprio Cena, eles ficaram trocando submissions até que John subiu no corner e tentou seu Leg Drop mas Styles counterzou e fez o seu Styles Clash em seguida, parecia o fim mas Cena deu o kick out no último segundo, John reagiu na match e aplicou um AA de cima do top rope que Styles milagrosamente também deu kick out, ele foi para outro finisher mas o Phenomenal reverteu no Styles Clash, assim como no Summerslam de 2016 ele foi para o Phenomenal Forearm mas John pegou ele nas cordas e fez o AA e logo em seguida mais um para encerrar a luta e ganhar seu décimo sexto WWE World Championship. Foi a luta do ano passado só que melhorada e pela segunda vez esses dois fizeram um clássico, com uma química perfeita nos moves e um final emocionante, mais uma vez eles estão entre os melhores do ano.


7.Johnny Mundo vs The Mack - Lucha Underground S03E20


Agora temos uma da Lucha Underground, nessa temporada tudo girou em torno do reinado como Lucha Underground World Champion de Johnny Mundo, e um dos grandes adversários dele foi Mack, a rivalidade deles chegou no ponto máximo quando foi marcada uma All Night Long match (Iron Man match) entre eles que foi a melhor luta da temporada do programa. A match começou com Mack dominando completamente, porém em um descuido dele Johnny puxou sua perna e rapidamente encaixou o Starship Pain para fazer o primeiro ponto na luta, Mack logo tentou uma reação mas mais uma vez em uma distração dele Mundo fez um rollup e segurando nas cordas conseguiu a contagem de 3 para fazer 2 a 0 na match. Mack reagiu mandando o adversário para fora do ringue e fazendo um Sommersault Plancha e um Neckbreaker, de volta ao ringue Johnny tentou fazer um Springboard Crossbody mas Mack reverteu fazendo um Powerbomb para diminuir o placar, os dois começaram a trocar socos e cabeçadas, Mundo fez um Spanish Fly, os dois subiram no corner, Johnny jogou o oponente pra fora e fez um belíssimo Corkscrew Crossbody, com o move Johnny lesionou a perna e precisou ser atendido, mas era só um truque dele que atacou Mack logo que ele se virou fazendo um DDT na maca que os médicos haviam trazido e conquistando seu terceiro ponto. Os dois foram para fora do ringue onde Mack amarrou Johnny na maca e jogou escada abaixo e de volta ao ringue fez seu Stunner para conseguir seu segundo ponto, Johnny tentou fugir e Mack foi atrás dele mas na verdade Mundo havia se escondido embaixo do ringue e quem havia corrido era PJ Black, os dois então começaram a atacar Mack até que veio Son Of Havoc e Sexy Star para igualar as coisas, Mack fez um Piledriver de cima do top rope em duas mesas do lado de fora, ele levou Johnny para dentro do ringue e fez a contagem para empatar em 3 a 3 a 5 minutos do fim do programa. Os dois iniciaram um brawl com vários objetos, mas no final Mack subiu em uma escada e fez um Splash em Mundo numa mesa, o arbitro contou até 2 e quando ia chegar no 3 o tempo da luta acabou, e assim tivemos um empate com Mundo retendo o título. Foi uma luta de 1 hora que foi dinâmica e competitiva até o fim e com um final extremamente emocionante, esse foi o ano de Mundo na Lucha Underground e essa luta que foi a melhor deles no ano esta aqui representando a empresa.


6.Tyler Bate vs Pete Dunne - NXT Takeover: Chicago


Assim como sempre o NXT em 2017 foi demais, tivemos grandes storylines, rivalidades e principalmente grandes lutas, mas dois caras que roubaram o show foram Pete Dunne e Tyler Bate quando competiram pelo United Kingdom Championship no NXT Takover: Chicago. Eles começaram com muito Techinical Wrestling que é muito usado na Inglaterra tentando encaixar submissions, eles foram para fora do ringue, Dunne tentou tomar o controle da match mas Bate respondeu com um Upercut sensacional, ele colocou o adversário para dentro do ringue mas ele saiu mais uma vez e agora sim conseguiu tomar controle com um elbow e um Crash Landing na borda do ringue, de volta ao ringue ele começou a trabalhar o braço de Tyler e dar vários pisões nele, o campeão reagiu com um Exploder Suplex e vários Upercuts no corner, Pete tentou devolver mas recebeu um Standing Moonsault e um back suplex que quase encerrou a luta, Bate tentou outro Standing Suplex porém Dunne counterzou em um Gogoplata que Tyler quebrou fazendo um Powerbomb, e em uma sequencia impressionante Dunne fez um elbow on the midair e um Crash Landing que só foi a contagem de 2 e deixou a crowd aplaudindo a match de pé. Os dois começaram a se socar, e fizeram uma sequencia incrível de moves, Pete foi para o Bitter End mas Tyler inverteu em um DDT, Dunne foi para fora do ringue e Bate mandou um Moonsault espetacular, ele colocou o oponente pra dentro e fez um Spiral Tap, foi para contagem mas Dunne deu kick out no 2, ele jogou o oponente pra fora e tentou um Suicide Dive da terceira corda que Pete desviou, Dunne então colocou Bate pro ringue e fez o Bitter End para a vitória e para ser o novo United Kingdom Champion. Esses dois tem uma química incrível, eles já haviam mostrado na final do torneio mas aqui eles simplesmente fizeram um show, para mim a melhor luta do NXT em 2017 e uma prova do talento dos garotos ingleses, ficando com a sexta colocação.


5.Will Ospreay vs KUSHIDA - NJPW Best Of Super Juniors 2017


Como eu disse Ospreay na minha opinião é o melhor high flyer da atualidade, junte ele com KUSHIDA que é o maior high flyer do Japão na final do Best Of Super Juniors desse ano e com certeza você terá um clássico. Os dois começaram devagar só trocando holds, mas logo foi  esquentando com os dois mandando seus flips e tentando dropkicks, os dois então trocaram elbows e Ospreay foi para fora do ringue, KUSHIDA então fez um Somersault e assim começou a tomar controle da luta trabalhando na perna do adversário inglês, Ospreay reagiu com um Handsping Rondhouse Kick e com vários chutes em sequencia, ele subiu no corner mas o japonês chutou ele e o derrubou fazendo um Kimura, logo em seguida ele começou a trabalhar no braço do oponente com vários chutes, Will conseguiu reagir mandando o adversário para fora do ringue e fez o seu Handspring Moonsault nele, voltando para o ringue os dois fizeram uma sequência incrível que envolveu um Pelé Kick, um Spanish Fly e um Standing Moounsault dentre outras coisas dignas dos dois maiores Cruiserweights desse ano. Ospreay fez uma Inverted Hurricanrana no Ring Apron e um DDT simplesmente incrível, porém quando ele foi para Oscutter KUSHIDA fez o counter em um Crossarm Breaker, com muita dificuldade o inglês conseguiu quebrar a submission e já fez seu Oscutter, seguido de seu Ground Corkscrew Kick, mas quando ele foi pra outro finisher KUSHIDA desviou e fez o Oscutter no próprio Ospreay, já ligando com o Hoverboard Lock, que Ospreay conseguiu escapar, os dois então trocaram socos e o japonês começou a pisotear no adversário, depois de sua submission mais uma vez não funcionar ele tentou o Back To The Future que Will reverteu em um Stunner, o Aerial Assassin fez um 450 Splash revertido, colocou o adversário no corner e deu inúmeros superkicks nele até ele cair, ele foi para o último Oscutter mas KUSHIDA resistia até o final e conseguiu fazer um Back To The Future do Top Rope, e depois fez mais um para finalmente vencer a luta e ganhar o torneio. Um show de atletismo e high flying como só esses dois poderiam proporcionar, pra mim a melhor luta de Cruiserweights no ano, 5 stars match, e com muito mérito ganha seu espaço nessa lista.


4.Kenny Omega vs Tetsuya Naito - NJPW G1 Climax 27 Finals


Kenny Omega e Tetsuya Naito fizeram a melhor luta de 2016 quando se enfrentaram na final do G1 Climax, esse ano mais uma vez os dois se encontraram na final do campeonato e mais uma vez fizeram uma 5 stars match de tirar o fôlego. Primeiro eles ficaram trocando taunts e insultos, a luta esquentou mesmo quando eles foram lutar la fora com Omega fazendo um Moonsault usando a barricade, Naito respondeu com um Neckbreaker no Ring Apron e no chão e tomou o controle da luta atacando o pescoço do oponente, ele então mandou Kenny pra fora e fez um belíssimo Suicide Dive, junto com um Texas Piledriver brutal na mesa dos comentaristas, dentro do ringue Omega reagiu jogando o adversário contra os corners, eles trocaram vários moves até o canadense mandar Tetsuya para fora e fazer seu Tope Con Hilo seguido de um dropkick do tope rope, ele então começou a controlar o combate com vários suplexes, ele tentou um Powerbomb que Naito inverteu em um DDT, o japonês fez seu comeback e tentou o Destino mas Omega reverteu no Reverse Dude Buster que Naito deu kickout, os dois subiram no corner, Kenny tentou um Powerbomb de la de cima mas sensacionalmente Tetsuya inverteu em uma Hurricanrana que só pode ser descrito como perfeito. No final Omega fez vários dos seus Knees Strikers até Naito cair, ele fez um Powerbomb mas só foi até a contagem de 2, então ele colocou Naito na posição do One Winged Angel porém o Ingovernable fez uma Inverted Hurricanrana e logo em seguida o Destino, ele foi para a contagem e Omega deu kickout, ele então foi para outro mas o canadense reverteu em um Suplex, logo em seguida ele aplicou o Rain- Trigger e mais vários knees, ele tentou novamente o OWA mas Tetsuya inverteu em outro Destino que também não foi capaz de acabar com a luta, os dois deram tapas um no outro e trocaram strikers, Naito tentou o Destino mas Omega lutava tentando uma reversão porém não conseguiu e Tetsuya fez um Destino sensacional, Kenny deu kick out mas nada adiantou pois logo em seguida Naito fez mais um para finalizar a luta e finalmente ganhar o G1 em cima de Omega se vingando do ano passado. Mais uma vez os dois fizeram um clássico com técnica, grande storytelling e tudo mais que uma luta com dois wrestlers desse nível tem que ter, eu achei a do ano passado um pouco melhor mas essa é tão boa quanto e fica pertinho do pódio.


3.Kazuchika Okada vs Katsuyori Shibata - NJPW Sakura Genesis 2017


Eu já começo dizendo que essa sem duvida é uma das melhores lutas que eu já vi na vida, Okada e Shibata contaram uma história perfeita dentro de ringue junto com um forte Strong Style a um nível de atualidade que só se vê na NJPW hoje em dia. Começou com Shibata ganhando todas as quedas no chão e desafiando Okada deitando no ringue, os dois foram tentando submissions até Okada partir para os strikes, e todos sabem que é um grande erro disputar strikes com o Shibata que deu um big boot no oponente e depois vários elbows, ele continuou dando chutes que davam pra ouvir o impacto de longe, Okada reagiu mandando o adversário pra fora do ringue com um dropkick e fazendo o DDT usando a barricade, de volta ao ringue Okada começou a dar elbows em Katsuyori e este foi pedindo mais até que Kazuchika deu mais um e Shibata com apenas um elbow muito forte conseguiu derrubar o oponente, logo depois ele aplicou dois running kicks em Okada no corner, junto com vários socos e um dropkick no Rainmaker, Okada conseguiu reagir com o seu comeback e fez a pose para seu finisher mas Shibata reverteu em um STO, e eles começaram mais uma troca brutal de elbows, Kazuchika fez seu dropkick das cordas e tentou a contagem mas o adversário reverteu em um Kimura Lock, porém Okada conseguiu chegar nas cordas, ele então fez o Penalty Kick e continuo pisando e dando tapas no oponente, os dois se encararam e Okada sentou no chão desafiando Shibata para bater nele, os dois ficaram sentados trocando tapas e finalmente Kazuchika venceu uma ofensiva dando vários pisões no pescoço do oponente no corner porém Katsuyori segurou o pé dele e ai foi a vez dele dar vários pisões no adversário. No final os dois fizeram uma sequência alucinante de moves incluindo um Suplex que quase quebrou o pescoço de Okada mas este levantou logo em seguida para fazer um dropkick, Kazuchika foi para sua finalização e na atitude mais badass do ano Shibata não vendeu o finisher ficando em pé mesmo depois de receber o Rainmaker, e então ele deu aquela cabeçada que foi talvez o maior spot de Strong Style desse ano, e mesmo com uma hemorragia interna graças ao headbutt ele continuou a luta normalmente, ele acertou mais um Penalty Kick e um Sleeper Suplex, ele continuou a dar chutes no Peito de Okada, ele estava prestes a finalizar a luta, porém quando ele foi correr para as cordas Okada pegou o seu braço e encaixou o Rainmaker, depois disso Shibata resistiu como pôde não caindo até para outro Rainmaker mas nada adiantou, Okada encaixou o Rainmaker final para acabar com a luta e reter seu título. Sem duvida a luta com a melhor storytelling do ano, cada strike dessa luta é brutal e a luta tem vários momentos únicos, como Shibata não vendendo o Rainmaker, os dois sentados se desafiando a se baterem cada vez mais forte e claro o headbutt que quase deixa o "The Wrestler" paraplégico, Pro- Wreslting japonês at his best e teria sem duvida sido a melhor luta de 2017 se Okada e Kenny Omega não tivessem feito as duas melhores lutas da história nesse ano.


2.Kazuchika Okada vs Kenny Omega - NJPW Wrestle Kingdom 11


Sempre o main event do Wrestle Kingdom é esperado que seja uma das lutas do ano, mas o que foi feito naquele dia chocou todos as pessoas que assistem esse esporte no mundo, nós tínhamos a certeza de que tínhamos visto a melhor luta de wrestling acontecer. A luta começou com eles se estudando e tentando encaixar seus golpes, Okada mandou Kenny para fora e fez seu DDT usando a barricade e um Crossbody sensacional e assim o japonês tomou o controle da luta, Omega foi reagindo e conseguiu mandar o adversário pra fora do ringue também e fazer seu Tope Con Hilo seguido de um dropkick do corner dentro do ringue que eu não sei como não quebrou o pescoço de Okada, ele foi para a contagem mas não encerrou a match, Kazuchika reagiu fazendo seu comeback, ele tentou seu Elbow Drop mas o canadense counterzou dando outro dropkick no pescoço do oponente e realizou um Moonsault para fora do ringue que só pode ser descrito como Picture Perfect, Kenny conseguiu o controle total da luta com isso, fazendo um Diving Stomp em Okada usando uma mesa e dois Powerbombs que não foram capazes de encerrar o combate. Os dois foram lutando para tentar jogar um contra o outro na mesa fora do ringue mas no fim foi Okada quem conseguiu, logo em seguida ele fez seu Flying Dropkick e o Elbow Drop fazendo a taunt para o Rainmaker, mas Omega resistiu realizando um Full Nelson Slam do top rope, depois disso Kenny atacava com seus knees e Kazuchika com seus Dropkicks, Okada conseguiu fazer o Tombstone e logo em seguida o Rainmaker, parecia o fim mas o canadense deu kick out no temido finisher, ele tentou outro Tombstone mas Omega reverteu no Reverse Dude Buster, ele então aplicou mais dos seus knees e tentou o OWA que Okada prontamente reverteu no Rainmaker, ele continuou segurando o braço do canadense mesmo este dando joelhadas na cara dele e fez mais um Rainmaker, ele foi para o último finisher mas Omega resistiu fazendo um dropkick, o canadense então fez a pose de Okada e aplicou um Rain- Trigger, ele tentou mais uma vez o One Winged Angel porém o japonês reverteu num espetacular Spinning Tombstone que ele nunca havia feito, logo em seguida ele fez o quarto Rainmaker para encerrar a luta e manter seu título. Quando a luta acabou havia pessoas chorando dentro da arena, no twitter tudo que vários fãs e wrestlers falavam era que essa era a melhor luta que eles haviam visto, e a confirmação veio quando Meltzer deu 6 estrelas para a luta, tudo que eu posso dizer é que essa luta foi uma aula de como ir construindo emoção aos poucos até o desfecho final que foi mais do que mágico, eu só agradeço por estar acompanhando wrestling na época em que Okada e Omega estão brilhando em auto nível e ter visto esse show acontecer.


1.Kazuchika Okada vs Kenny Omega - NJPW Dominion 6.11 


Como eu disse na parte dois das minhas lutas favoritas, quando foi anunciado outro Okada vs Omega esse ano eu pensei que nem fudendo eles conseguiriam superar o primeiro, aquele já era um clássico instantâneo, era um erro fazer a segunda luta tão perto da primeira, e bem... eu estava errado. Se a outra começou com eles se estudando essa já começou on fire com eles trocando vários moves e um tentando fazer o finisher no outro em uma grande sequencia de counters, Omega mandou o oponente para fora do ringue e foi para o Tope Con Hilo mas Okada entrou rapidamente no ringue e fez um Big Boot, e então foi o japonês que fez o Tope Con Hilo, mas quando ele foi entrar novamente dentro de Ringue Kenny atacou a sua perna e começou a trabalhar nela, Okada conseguiu fazer seu comeback, os dois trocaram reverses e de maneira épica Kazuchika conseguiu encaixar sua submission, ele então começou a controlar a match mandando o adversário para fora do ringue e fazendo seu Crossbody, mas quando ele foi tentar o Elbow Drop Omega desviou e então foi ele que jogou o oponente para fora e fez o Moonsault mais bonito que eu já vi na minha vida, seguido de um dropkick do tope rope e o seu Powerbomb que não foi o suficiente para a match acabar. Os dois ficaram trocando elbows até Okada fazer um Fireman's Carry Powerslam no Ring Apron, um dropkick na barricade e o seu Elbow Drop, ele fez a pose para o finisher mas Omega ia resistindo como podia, o canadense fez seus poderosos knees mas não teve jeito, Okada ligou dois suplexes brutais e fez o primeiro Rainmaker, mas obviamente a vitória não viria tão fácil, os dois trocaram moves, Kazuchika mandou o oponente pra fora do ringue com um dropkick, colocou ele na mesa e fez um Elbow Drop que fez a mesa implodir, ele aplicou inúmeros dropkicks, Kenny tentava resistir mas Okada aplicou dois Rainmakers seguidos nele. Enquanto Okada tentava levantar Omega pro terceiro Rainmaker que iria finalizar a luta o resto da Bullet Club apareceu no ringue com Cody ameaçando jogar a toalha vendo o estado em que o líder da stable estava, essa foi a distração perfeita para o canadense voltar para a luta, aplicando o Rain- Trigger e finalmente conseguindo fazer o One Winged Angel, mas na contagem Okada pois o pé na corda no último segundo possivel não acabando a luta ali, Kenny fez sua taunt da arma e Kazuchika sensacionalmente reverteu em um Rainmaker outta nowhere, os dois trocaram elbows, Okada fez o Tombstone, foi para mais um finisher mas Omega desviou no puro cansaço mesmo, o The Cleaner aplicou seus knees mas quando foi pro OWA seu adversário aplicou um dropkick em suas costas e o Spinning Tombstone, os dois lutaram com todas as armas que tinham mas por fim foi Okada que conseguiu encaixar mais um Rainmaker, porém quando ele iria pinnar Kenny o tempo limite da luta acabou fazendo o combate ser um empate e Okada permanecer com seu título apesar de não ser o resultado que ele queria. Se aquela primeira luta teve emoção essa teve em dobro, a storytelling foi perfeita, os sposts foram de tirar o fôlego, eles manteram o nível da luta por 1 hora e o final foi perfeito ao nível de Stone vs Bret Hart na Wrestlemania 13, parecia impossível superar a primeira luta tão cedo mas nada é impossível para Kenny Omega e esse que para mim sera o melhor wrestler de todos os tempos quando se aposentar: Kazuchika Okada, 6,25 estrelas do Meltzer, a melhor luta de 2017 e de todos os tempos sem duvida, só podemos esperar ansiosos para ver o que eles farão em uma quarta luta.


Menções Honrosas:

Kazuchika Okada vs Kenny Omega - NJPW G1 Climax 27
Katsuyori Shibata vs Matt Riddle - RevPro High Takes 2017
Hiroshi Tanahashi vs Tetsuya Naito - NJPW Wrestle Kingdom 11
AJ Styles vs Brock Lesnar - Survivor Series 2017
Kaith Lee vs Donovan Jack - PWG Battle Of Los Angeles 2017
Zack Sabre Jr vs WALTER - PWG All Star Weekend 13
Dante Fox vs Killshot - Lucha Underground Ultima Lucha Tres 
The Hardy Boyz vs The Young Bucks - ROH Supercard Of Honor XI
#DIY vs Authors Of Pain - NXT Takeover: Chicago 2017
The Undisputed Era vs Sanity vs The Authors Of Pain e Roderick Strong - NXT Takeover: WarGames

E ai qual foi sua luta favorita nesse ano? comente ai embaixo, como sempre eu tentei dar uma diversificada na lista e não ficar apenas na NJPW apesar de obviamente lá ser o melhor wrestling do mundo e a melhor empresa da atualidade. E assim encerramos o ciclo do NWO TOP 10 em 2017, gostaria de agradecer todos vocês que me acompanharam por todas essas 35 edições desse ano, e se você gosta do quadro vote nele la no NWO Awards, não esqueçam também de ver o top 10 do Gabrinho e do Ferrer no Terça 5H03 Ratings. Agora o quadro entra em férias junto com meu coma alcoólico de ano novo mas eu volto uma semana antes do próximo PPV com os melhores vencedores da história do Royal Rumble, até la e flw.
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Twitter

4 comentários:

  1. 10-Achei boa essa luta, mas não o suficiente para estar entre as 10 melhores do ano, inclusive eu achei o main event melhor, mas isso é questão de gosto. Eu acho que o que atrapalhou foi a falta de feud/storyline. Mas se foi bom sem, imagina se tivesse...

    9-não vi

    8-Para mim foi a melhor luta que eu vi desse ano, e digo mais! acho que foi a melhor luta que eu vi ao live. Foi daquelas lutas que tudo era perfeito: a feud, a liberdade que os dois tinham, o contexto do cena tentando o seu 16 titulo, o entrosamento. Acho que dificilmente os dois vão conseguir superar essa, só se for no main event de uma wrestlemania e com o cena tentando seu 17 titulo e olha la.

    7-não estou apto a commentar

    6-eu quero aproveitar e pedir desculpas que a luta não estava tudo isso no xat, porque eu não sei o que tava acontecendo comigo naquela hora, depois que eu vi o replay co calma eu vi que ESTAVA TUDO ISSO MESMO. Deu pra ver que eles tinham um grande entrosamento e é bom que os dois são muito jovens e talentosos, assim a wwe vai poder trabalhar com os dois com calma.

    5-não vi

    4-não quero ver

    3-tenho raiva de quem viu

    2-ok, essa eu vi uma vez e faz quase um ano, então eu não me lembro muito dos detalhes, mas posso dizer que foi muito boa mesm

    1-só para dizer que eu não sou (tão) hater de indys, ela está na minha lista de lutas que eu preciso ver, o problema é que ela dura 1 hora, o que me da preguiça. Mas eu juro que um dia eu vou ver.

    Menções honrosas:
    War games match- eu achei o inicio dessa luta bem fraca, mas sorte que tinhamos um heroi chamado killian dain que antes de entrar, trouxe todos os tipos de objeto para dentro e ai BOOM era tudo que a luta precisava e ai tivemos spots insanos para todos os lados. Sensacional.
    (o resto foda-se)

    Bonus1-lesnar vs roman vs strowman vs joe: Eu lembro que esperava uma luta lenta e mediana na melhor das hipoteses, mas não transformaram aquilo em uma spot match e aqulo foi ibcrivel, principalmente no começo com o strowman passa do o rodo em todo mundo. O problema foi aquele cliche do brock sair de maca e voltar pra winhar.

    Bonus2- elimination chamber match: para mim é a luta mais underrated do ano, porque foi bem tecnica, todos os participantes foram muito importantes, todas as eliminações foram bem bookadas, teve spots legais e com aquele final do sonho de muita gente se tornando realidade com o bray ganhando um mundial(antes do palmeiras). Pena que pouca gente se lembra dessa luta.

    ótima edião e até 2018!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 10.Opinião é opinião não se discute... mas porra como vc achou o main event melhor? hueheueheueheueheuhuehue

      8.Acho que tmb foi legal as referencias dentro da luta, Cena fazendo alguns moves no estilo strong style mostrando que poderia jogar o jogo do AJ, o Figure 4 Leglock e claro o final fazendo menção a luta passada, fico na espera de mais uma luta onde o AJ vai counterzar o rollin AA.

      6.Eu nem lembrava desse meme do "nem ta tudo isso" HUEHEUEHEUEHEUEHEUEHUEHEUEHUEHUE.

      Das menções a Fatal 5 Way foi uma das lutas mais divertidas do roster principal da WWE mesmo, em um top 10 só dessa empresa ela entraria. A elimination match pra mim não teve nada demais, não lembro de nenhum spot memorável nem nada, ficou no mesmo nível das ultimas.

      Obrigado pelo comentário e muitos cursinhos pra noiz em 2018.

      Excluir
  2. AJ vs Balor unico lamento é que foi uma luta do nada sem storyline, de certa forma queimaram um dream match, mas foi uma das melhores lutas do ano.
    Ospreay vs Rey eu não tinha visto, uma boa luta mas comparando com as do ano passado fica um pouco abaixo de Ospreay vs Ricochet, que alias não apareceu no ranking esse ano.
    Cena vs AJ foi o dream match que não decepcionou, o maior nome da WWE desde o Rock contra o grande nome da TNA, boa storyline, Cena wrestlando pra kralho pra calar os haters.
    Esses ingleses coroaram o ano do wrestling dos desgraçados de sotaque escroto, mostraram que la tem muito mais do que só Ospreay, Scrull e Zack Sabre, todas as lutas deles foram boas e no mínimo 3,75.
    Melhor highflyer do japão contra melhor highflyer ocidental, o torneio em si e essa luta mostram tudo que os fãs esperavam e que nunca tiveram no 205.
    As 4 primeiras são inquestionáveis, mostram o ano fantástico da NJPW com o melhor wrestling do mundo e Okada, Omega e Naito no topo do wrestling, o primeiro lugar principalmente, 2017 foi o ano em que tivemos a melhor luta da historia.
    Edição pra fechar o ano com chave de ouro, top muito bom, questionável só AJ vs Lesnar nas menções honrosas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Do jeito que o Bálor anda acho difícil ele ser main eventer tão cedo, acho que a luta foi no momento certo, claro que com uma storyline ela talvez estivesse ainda acima no top, mas sem duvida trouxe hype pra uma segunda.

      Pra mim o clássico absoluto entre Ricochet e Ospreay foi aquele do ano passado dps eles fizeram algumas matches boas (obviamente) mas nada perto daquela.

      Os ingleses tão tendo tão poucas chances e cada chance eles roubam o show, merecem muito mais oportunidades em 2018.

      Se a WWE desse liberdade pros Cruiserweights poderíamos ter lutas no nível dessa PELO MENOS nos PPVs.

      Okada como eu disse pra mim um dia superará Ric Flair como o wrestler mais importante da história, Naito é o melhor personagem e o melhor contador de histórias atualmente, Kenny na melhor fase da carreira. Juntos esses 3 sempre estão no topo e vai demorar pra isso mudar.

      Vlw pelo comentário como sempre Boo.

      Excluir

NWO Nation | Todos direitos reservados © 2012-2018 Desenvolvido por: Ericki Chites