NWO The Attitude Show #7: WWE WrestleMania 34


Bom dia, boa tarde, boa noite, meu nome é Louro José e aqui estamos com a sétima edição do querido Attitude Show, este quadro maravilhoso onde fazemos um review de um PPV importante, que no caso é a WrestleMania 34. Eu e o meu colega Stone Fight vamos dar a nossa opinião de merda sobre todas as lutas no maior estilo attitude show, venham comigo e confiram esta belezura.

SOLTA A THEME SONG DO QUADRO CASCÃO!


Agora que entramos no clima do quadro com esse bela música do Guns N' Roses podemos dar início às análises dos maiores especialistas em bostejar de todos os tempos. É bom lembrar que ninguém se baseou na opinião de ninguém, então se tiver coisa parecida é coincidência, cada um fez sua parte em um lugar e depois apenas juntamos tudo.


KICKOFF - Andre the Giant Memorial Battle Royal

FERRER: Gosto dessa tradição das Battle Royals na WrestleMania e foi muito bem colocada no Pre Show já dando aquela animada, eu pelo menos sempre dou boas risadas vendo essas lutas. O final foi bem aleatório e ironicamente eu curti mesmo com aquele sentimento de "mas que diabos é isso?" foi uma bela aliança entre Matt Hardy e Bray Wyatt, começou o Pre Show com o pé direito mesmo com a arena vazia rs.

STONE: Foi uma luta boa, teve seus bons momentos, a continuidade da feud Ryder vs Mojo, Ziggler também fez uma boa performance e no final o Bray vindo ajudar Matt foi um shocking moment e a vitória de Hardy foi justa já que o personagem dele já esta cansado e pode ser uma boa storyline dele do lado do Eater Of Worlds, embora eu não tenha qualquer esperança para Bray mais. Boa luta para animar o pessoal que ainda estava chegando lá.


KICKOFF - WWE Cruiserweight Championship Match:
Cedric Alexander vs. Mustafa Ali

STONE: Eu esperava uma luta cheia de High Flying apenas bem no estilo show semanal do 205 Live, mas não, teve uma boa construção e foi dado um bom tempo para eles trabalharem a luta até a parte dos spots, e na hora dos posts eles arrasaram como já era esperado dos dois, teve até o Cena reagindo ao Spanish Fly do Mustafa Ali. Essa luta me surpreendeu porque eu achei que ia ser uns 5 minutos com uns 3 spots e finesher mas eles deram 12 minutos e os dois brilharam dando a melhor luta do kickoff e até uma das melhores do evento eu diria, nem a entrada do Mustafa Ali de Glacier da WCW conseguiu zikar essa grande match. E apesar de eu estar torcendo pro Mustafa ganhar ali a vitória do Cedric também foi muito merecida por todo o problema dele com lesões e tudo mais.

FERRER: Essa luta foi muito boa, mas eu esperava muito mais dos dois. Nos 205 Live tivemos um nível muito bom de lutas, e isso me deixou hypado que na WrestleMania teríamos então a melhor cruiserweight match do ano, ainda mais se tratando de Mustafa Ali e Cedric Alexander, mas acabou sendo "apenas" um bom combate como os outros do 205 Live. Mas tudo bem, título merecido ao Cedric embora a minha torcida fosse do Mustafa que executou uma bela entrada diga-se de passagem.


KICKOFF - WrestleMania Women's Battle Royal

FERRER: Divertido também, fiquei feliz da brasileira Taynara Conti ter participado, isso sempre deixa as mídias sociais da WWE mais engraçadas com os brasileiros floodando e os gringos putos. Mas falando da luta foi bacaninha, e curti a vitória de uma das minas que não era favorita, que foi o caso da Naomi, seria bacana se a Becky ganhasse também, ela nunca teve um WrestleMania Moment ao contrário da Naomi que já tem o seu segundo.

STONE: Acho que o único problema dessa luta é que foi curta demais, daria tempo de lutarem mais e fazer mais coisas, parece que focou apenas inteiramente na coisa Sasha e Bayley, mas isso foi bem construído pelo menos. E achei muito criativo nenhuma das duas ter ganhado e sim a Naomi para botar mais lenha na rivalidade, eu curti a Naomi ter vencido já que ela é sempre uma das esquecidas apesar de lutar bem até.


WWE Intercontinental Championship - Triple Threat Match:
The Miz (c) vs. Finn Bálor vs. Seth Rollins

STONE: Uma ótima Open match para o começo do show principal, inclusive o Intercontinental Championship parece que nasceu para ser Open Match da Wrestlemania, sempre que esse título abre o evento é um show. A luta foi bem dinâmica, teve muita interação entre Bálor e Rollins que já estavam lutando bastante na storyline e Miz que também entrou muito bem apesar de ser o que menos apareceu na luta. O resultado me surpreendeu, eu achava que Finn venceria mas Rollins cortou a tentativa de pinfall de Bálor fazendo o Curb Stomp nele e fez outro em Miz para girar o seu novo título ganho. Grandes sequencias, nearfalls emocionantes e uma ótima maneira de começar essa Wrestlemania.

FERRER: Um dos melhores combates do show ao lado de Charlotte vs Asuka. Luta muito dinâmica, Bálor e Seth tem uma química incrível e o The Miz vem tendo boas performances em ring desde 2016 e conseguiu muito bem encaixar no nível de wrestling dos indy guys. Se quando Miz era campeão o título já era o principal do Raw imagina agora com Seth campeão e Bálor na rota. Muito empolgado com esse title e #ThankYouMiz, sempre fazendo belos reinados e trazendo mais prestígio ao IC.


SmackDown Women's Championship Match:
Charlotte Flair (c) vs. Asuka

FERRER: Eu amo demais essas safadas. Particularmente foi minha luta preferida da WrestleMania, era uma dream match pra mim. São as duas melhores women's wrestlers da WWE na minha opinião e nada melhor que uma luta épica em plena WrestleMania. Curti a match do início ao fim, desde o technical muito bem feito por ambas até as partes mais movimentadas, destacando o moonsault que a Charlotte aplicou e a Asuka reverteu perfeitamente em uma submission, um puta timing perfeito. E no fim, nada melhor que Charlotte para quebrar a streak de Asuka e nos dar esse fantástico WrestleMania Moment. A filha de Ric Flair é tão foda quanto o pai!

STONE: Outra lutaça na sequencia, até parecia que a Wrestlemania seria toda boa né? estavam deixando a gente sonhar. Charlotte e Asuka são as duas maiores wrestlers femininas que a WWE tem no seu roster e as duas usaram seus estilos diferentes para fazer um combate a altura da reputação das duas, com ação a todo momento e cheio de momentos marcantes. Para mim as melhores partes foram a Asuka revertendo o Diving Moonsault de Charlotte em uma submission, o Spanish Fly das duas do Tope Rope, e claro o final que foi uma das coisas mais surpreendentes de todo o evento, quem imaginaria a Asuka dando tap out para Charlotte? realmente pegou todos de surpresa. Falando sobre o resultado eu particularmente não gostei, acho que Charlotte já tinha muitas conquistas para ser a pessoa que quebraria a streak de Asuka e esse "prêmio" deveria ser dado para hypar alguma wrestler nova que realmente poderia usar o título de "pessoa que quebrou a Streak de Asuka", mas eu entendi porque a WWE fez isso por ser a Wrestlemania e resultados loucos acontecem na Wrestlemania, só não concordo, e a luta que foi incrível não tem nada a ver com isso.


WWE United States Championship - Fatal 4-Way Match:
Randy Orton (c) vs. Bobby Roode vs. Jinder Mahal vs. Rusev

STONE: Duas coisas que eu não aguento mais, o meme do RKO Outta Nowhere e o meme do Jinder Mahal ainda estar vivo e ganhando coisas. A luta até foi decente e teve seus momentos, Rusev sendo o destaque que para mim teve a melhor performance dos quatro e sempre esteve em ringue. E no final claro que Mahal ganhou, eu vi isso chegando a quilômetros de distancia, USA Champions com reinados de 14 dias de 2010 is back baby.

FERRER: Puta que la merda, por que diabos o Jinder Mahal ainda existe? Eu nem posso opinar a sério essa luta porque eu só lembro do Mahal ganhando e eu já considero tudo uma completa bosta. Porque não dão o fucking título para o Rusev? Não né, vamos desperdiçar mais um grande pop. E o que me deixou ainda mais puto e aliviado ao mesmo tempo foi o Mahal ter perdido pro Jeff Hardy em seguida. O que me faz pensar novamente na seguinte questão: PORQUE NÃO DERAM A PORRA DO TÍTULO PRO RUSEV???? Perdão pela perda das estribeiras aqui.


Mixed Tag Team Match:
Kurt Angle & Ronda Rousey vs. Triple H & Stephanie McMahon

FERRER: Sem sombra de dúvidas a maior surpresa positiva dessa WrestleMania, acho que ninguém tava dando a mínima pro hype que a WWE colocou nessa match e ela acabou sendo uma das mais interessantes da noite. Ronda teve uma grande performance apesar de me irritar muito o booking de que estrela de MMA é imortal. Steph apesar de não saber wrestlar direito tem o estilo heel natural dela que faz qualquer um desejar que a Ronda lhe meta umas porradas. Triple H e Kurt Angle também tiveram grandes momentos apesar do Angle me assustar com essa condição física, parece que o careca vai morrer a qualquer momento. Enfim a luta foi muito boa no quesito "entretenimento" e por isso não coloquei como a melhor da noite como muitos destacaram, achei muita várzea a Ronda indo pra cima do HHH, e segundo meu colega Binho ESSA RONDA AI NÃO É DE NADA!

STONE: Sem dúvida a luta mais divertida da Wrestlemania, o combate até começou como uma Tag Team normal, mas na metade a coisa despirocou completamente e era todo mundo batendo em todo mundo, teve Triple H puxando Ronda pra fora do ringue, teve Ronda chamando o HHH pra fazer na mão sem perder a amizade e metendo a porrada nele, teve Angle fazendo Angle Lock na Stephanie Mcmahon e HHH jogando Angle na Ronda para quebrar Submission, dentre outras coisas que fizeram essa ser uma aula de como se faz uma Mixed Tag Team match, chupa Cena e Nikki Bella vs Miz e Maryse do ano passado. Foram 20 minutos que você não não conseguia tirar os outros do que tava acontecendo, porque a luta toda foi frenética e cheia de grandes momentos, e eu jurava que o combate seria 4 minutos de uma Tag Team normal entre Angle e HHH até Ronda fazer o hot tag e ganhar. Parabéns aos quatro que deram um show e mostraram como entreter o público em um combate.


SmackDown Tag Team Championship - Triple Threat Match:
The Usos (Jimmy & Jay) (c) vs. The New Day (Kofi Kingston, Xavier Woods & Big E) vs. Bludgeon Brothers (Harper & Rowan)

STONE: Luta de 5 minutos,  podia estar no Kick Off porque realmente ninguém estava muito interessada nela, e foi uma luta normal que poderia acontecer em qualquer Smackdown. Sobre o Rowan e o Harper terem vencido foi uma escolha errada mas também era a única escolha, por um lado desde que eles chegaram eles não conseguiram despertar interesse em absolutamente ninguém com as novas gimmicks, por outro os Usos estão carregando a divisão nas costas a vários meses e os Bludgeon Brothers eram a única aposta da WWE para trazer um pouco de graça pra divison, as coisas devem melhorar agora depois do draft.

FERRER: Esperava mais dessa luta também principalmente por ter Usos e New Day que juntos já fizeram vários clássicos. Essa tag do Harper com o Rowan nunca me empolgou pra falar a verdade, mas já que foi criado todo um hype sobre eles foi justa a vitória, até pra dar uma mudada de reinados entre Usos e New Day. No fim das contas acabou sendo uma luta bem mediana de show semanal.

Singles Match:
The Undertaker vs. John Cena

FERRER: Feud mal planejada, squash desnecessário, mas que pelo menos rendeu as melhores coisas dessa WrestleMania que foi o John Cena reagindo as lutas do começo do show. Todo mundo sabe que o Undertaker já ta velho e passou da hora de se aposentar, mas quero aproveitar esse espaço pra dedicar um tributo a ele, que é o meu wrestler preferido de todos os tempos e é responsável por eu assistir e amar essas lutinhas de mentirinha. Mesmo com todos esses fatores pra mim é muito marcante assistir uma luta do Taker, até mesmo esse squash ridículo de 2 minutos. Ouvir aqueles sinos clássicos, as luzes se apagando e o Deadman fazendo a clássica entrada de meia hora reencarnam a criança dentro de mim que assistia WWE no SBT comendo pipoteca e escorrendo suor depois de jogar futebol. Eu só queria dizer que irei sempre amar o Undertaker, mesmo se ele wrestlar de cadeira de rodas THE DEADMAN ALWAYS WALK!

STONE: Pra que essa luta aconteceu? é sério pra que? se pelo menos fosse com o personagem American Bad Ass do Taker seguiriam alguma continuidade e ainda fariam essa dream match que todo mundo queria mesmo sendo extremamente atrasada para acontecer, mas não, Taker squashou o Cena e quem realmente se beneficiou com isso?. Eu sei que muita gente vai falar "ah mas a Wrestlemania precisa do Taker e ele ter aparecido já valeu não importa o que aconteceu", não, importa sim, Wrestlemania não é para ser um show de fanservice de wrestler legend como já tem sido nos últimos anos, é para criar grandes momentos para as estrelas de agora e não ficar se apoiando nas antigas, e no fim a coisa toda só serviu para um squash de 2 minutos e tirar Taker da "aposentadoria" com 53 ANOS, olha acho que ainda da pra fazer Taker vs Sting heim. A única coisa boa de tudo isso foi John Cena fazendo react da Wrestlemania aka a melhor coisa do PPV, e repito: se você quer assistir só fanservice vai ver filmes da Marvel.


Tag Team Match:
Shane McMahon & Daniel Bryan vs. Kevin Owens & Sami Zayn

STONE: O retorno triunfal do nosso Daniel Bryan, apesar de ser extremamente previsível o "roteiro" da luta porque todos saberíamos que Bryan voltaria no final para vencer o combate aposto que todo fã markou quando ele voltou. Enquanto Bryan estava fora Shane cuidou bem da luta, ele conseguiu dar um ritmo legal lutando com os dois sozinho e preparou bem o terreno para Daniel voltar na hora certa para impedir a vitória de Sami e KO, e voltar com seus clássicos moves, teve até Hurrincarana de cima do top rope em Zayn, e no final teve boas sequencias e grande nearfalls com destaque para a troca de moves entre Bryan e Sami até ele encaixar o YES Lock para vencer. Uma luta com uma storytelling óbvia mas que não deixou de ser emocionante.

FERRER: A melhor feud dessa WrestleMania, muito bem construída desde o ano passado e ainda contou com a melhor surpresa ever que foi o retorno de Daniel Bryan aos rings. Sami Zayn e Kevin Owens fizeram um trabalho fantástico como heels e sem dúvidas possuem a maior parcela do sucesso dessa rivalidade. A luta foi decente, apesar de ser bem desnecessário a historinha do Daniel Bryan saindo lesionado e voltando do nada, isso é tão manjado que ninguém se dá nem ao trabalho de popar. No fim bela vitória dos faces num final feliz clássico de WrestleMania marcando as boas vindas ao lendário Daniel Bryan e fazendo finalmente o Shane ganhar uma luta no maior palco de todos.


RAW Women's Championship Match:
Alexa Bliss (c) vs. Nia Jax

FERRER: Seria a pior luta do evento se não fosse o desastroso co-main event. A feud entre elas foi bacaninha e era a luta certa a acontecer mesmo, elas poderiam ter caprichado um pouco mais, but ok, o resultado foi mais do que justo, a Nia já devia ter ganhado esse título no ano passado. Espero que ela faça um reinado decente e a Alexa continue bem mesmo sem o título, já que é a única que sabe promar decentemente nessa divisão do Raw.

STONE: Eu não esperava muito dessa luta mas elas até fizeram uma construção boa, teve a Nia atacando a Mickie primeiro, ai a Alexa teve um bom momento de dominância e no final a Nia retomou o controle para vencer a luta. Minha única reclamação é o final, pareceu meio anti climático ela ter vencido apenas com um Samoan Drop de cima do top rope, mas tirando isso elas fizeram uma luta decente com o tempo que foi dado e apesar de eu não achar que a Nia Jax é uma "championship material" ela mereceu a vitória do título.


WWE Championship Match:
AJ Styles vs. Shinsuke Nakamura

STONE: Minha maior decepção com uma luta que eu esperei muito na Wrestlemania e foi uma porcaria era com Ambrose vs Lesnar na Wrestlemania 32, bem... agora eu tenho mais uma para fazer companhia para ela. Não, a luta não foi ruim mas não foi nem metade do que AJ e Nakamura realmente poderiam fazer juntos, pareceu que a luta estava se construindo para uma grande sequência de acontecimentos mas do nada foi cortada com apenas um finesher de AJ, também tenho uma critica a crowd que não entrou na luta em momento nenhum com AJ STYLES E NAKAMURA EM RINGUE, nunca mais faça um PPV em Nova Orleans WWE. E eu sei que muitos vão dizer que tudo isso foi para construir uma segunda luta entre eles com o heel turn do Nakamura e essa segunda luta sim vai ser um show por parte dos dois, e meu argumento para isso é: porque não construíram tudo isso antes? vão usar a WRESTLEMANIA para setupar uma outra luta? que evento tem de mais importante do que esse para essa segunda luta ocorrer?, enfim eu espero que essa segunda luta realmente preencha as altas expectativas porque essa não preencheu, e sim eu posso ter altas expectativas nessa luta porque é O AJ STYLES E O NAKAMURA.

FERRER: Essa doeu o meu coração de puromark, maior decepção da noite e olha que a luta nem foi ruim. As expectativas para esse reencontro de AJ contra Nakamura eram altíssimas, esperávamos algo próximo do que houve no Tokyo Dome daquele Wrestle Kingdom 10 quando os dois deram um verdadeiro espetáculo de pro wrestling. Mas o que tivemos aqui foi uma luta morna, muito longe do que ambos poderiam alcançar e no fim das contas só deixou nós puromarks na ilusão e na fome de algo melhor na continuação dessa feud. Gostei do heel turn do Naka, e espero que no Backlash tenhamos algo épico, embora o lugar perfeito pra uma luta épica dessas era na própria WrestleMania.


RAW Tag Team Championship Match:
The Bar (Cesaro & Sheamus) (c) vs. Braun Strowman & ???

FERRER: Uma das coisas mais escrotas que já fizeram em uma WrestleMania, mas admito que nem fiquei puto, achei bem engraçado mas no sentido do quão ridículo era essa situação. Poderiam trazer qualquer legend pra esse WM Moment que salvaria um pouco a honra disso, mas nada melhor que uma criança e Braun Strowman para rasgar e desmoralizar todas as conquistas de Cesaro e Sheamus que já carregaram a divisão de duplas do Raw nas costas, e no maior palco de todos recebem esta bela recompensa. Eu só queria que a criança zuasse um pouco, entrasse no ring e chutasse a canela do Sheamus e aprontasse a maior algazarra até a sua mãe entrar no ring e puxar sua orelha e acabar a Wrestlemania ali mesmo. Lamentável. E é engraçado que a WWE se esforça pra fazer algo muito forçado e ridículo em plena WM, vamos ver o que nos aguarda ano que vem, mas já tenho certeza que vão conseguir se superar como sempre.

STONE: Isso era uma coisa que eu já queria falar a muito tempo e eu fico feliz que tenha acontecido para mim comentar. A WWE precisa parar de tentar fabricar esses "Wrestlemania Moments" extremamente forçados que ela anda fazendo nos últimos anos, teve The Rock quebrando recorde de tempo, teve HBK, Foley e Austin espancando a League Of Nations, claro que as vezes da certo como foi o encontro de Stone, The Rock e Hogan se encontrando na abertura da Wrestlemania 30, mas a maioria desses momentos criados só fazem a gente colocar a mão na cara e se perguntar "porque WWE? porque?" e esse foi um deles, pegar a porra de um muleke só pro Strowman ganhar os títulos sozinhos e humilhar o The Bar para ele se recuperar por ter sido humilhado pelo Brock Lesnar e ainda por cima isso não ter sido usado para nada com ele e Nicholas sendo forçados a deixar o título no RAW seguinte, NADA foi criado com esse momento. Wrestlemania Moments acontecem ou em decorrência de uma grande luta ou é um momento genuíno de emoção, ficar tentando criar essas coisas é uma das piores coisas que a WWE anda fazendo nessas ultimas Wrestlemanias e esse momento em especifico foi o pior de todos.


WWE Universal Championship Match:
Brock Lesnar (c) (c/Paul Heyman) vs. Roman Reigns

STONE: Essa luta foi tipo se eles conseguissem piorar aquele John Cena vs The Rock na Wrestlemania 29 em que eles ficaram com a barrinha de finesher infinita disputando quem fazia mais. Eu até estava com boas expectativas para essa luta, a luta da Wrestlemania 31 foi muito boa e eles poderiam fazer mais uma vez uma match com bons spots e principalmente com uma boa storytelling como foi na outra luta, mesmo sem Rollins pra salvar o resultado dessa vez, mas não rolou. A luta foi basicamente Lesnar aplicando um monte de F5, Reigns tentando fazer um comeback, mais F5, Roman fazendo o comeback, mais F5 e o F5 final para vencer a luta, 15 MINUTOS DISSO, nada de grandes momentos, nenhuma boa história na luta e quando acabou todos ficamos com o pensamento de "é isso? isso ai que vai fechar a Wrestlemania? não vai acontecer mais nada?" e assim como em Reigns vs Triple H era só isso mesmo. Sobre o resultado eu acho que a vitória de qualquer um dos dois seria ruim então não faz muita diferença na minha opinião, no fim foi a luta perfeita para coroar a trilogia de main events catastróficos de Roman Reigns como a principal estrela das Wrestlemanias.

FERRER: Foi basicamente uma mistura de Romão vs Lesnar da WM 31 sem o Rollins salvando com Lesnar vs Orton no SummerSlam e The Rock vs John Cena na WM 29, agora junta tudo isso e temos o main event da WrestleMania 34. Decadente demais essa construção de quem é mais imortal na luta sobrevivendo aos 400 finishers aplicados, embora o resultado tenha me surpreendido, mas quem liga pra essa merda? O IC é o principal title do Raw mesmo! Outra coisa que me deixou tristinho foi não ter os clássicos fogos de artificio ao fim do show. Fuck.



PALAVRAS FINAIS

FERRER: Foi uma WrestleMania razoável, achei até melhor que a WM passada, o Pre Show foi muito bom e as 2 primeiras horas foram sensacionais, depois o show foi ficando bem mediano até abaixar o nível e terminar decadente, mas o que mais marcou pra mim foram os pontos positivos mesmo, afinal eu já esperava um espetáculo de troladas da WWE com o decorrer do show. E OBRIGADO POR EXISTIR JOHN CENA!

Nota: 7.5

STONE: A WRESTLEMANIA MAIS TRALLONA DA HISTÓRIA, se não foi tão boa no sentido de luta dentro de ringue pelo menos foi bem divertida de se assistir ao vivo. Minha grande critica a essa edição do evento é não ter tido uma GRANDE luta como foi nos anos passados, eu acho que nenhuma match dessa Wrestlemania vai ficar guardada na nossa memória no fim do ano quanto mais na história, na verdade eu aposto que vai ter mais lutas memoráveis nesse Royal Rumble árabe ai, o que me deixa com a sensação de que essa Wrestlemania foi usada para construir terreno para outro evento, O QUE NUNCA DEVIA ACONTECER. Mas no geral Ronda e Angle vs Triple H e Stephanie foi uma luta divertida, Charlotte vs Asuka e a Triple Threat pelo Intercontinental Championship foram lutas muito boas tecnicamente, teve alguns segmentos legais também como o do Elias com Cena, então ficou com saldo positivo no resultado final, mas ainda assim ficou muito abaixo das 4 últimas Wrestlemanias.

Nota: 7.0


Encerramos por aqui, espero que tenham gostado, deixem o vosso comentário para dar aquela moral e o nosso próximo encontro é para o SummerSlam. Quarta que vem já tem Top 10, essa semana já teremos apostas de novo, então é isso e flw.

#Respect
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Twitter

4 comentários:

  1. A WM foi boa até Undertaker vs Cena. Quando eu vi esse combate fui assistir o Fantástico.

    E daí que é Nakamura e Styles num ringue? Nakamura só é melhor que o Mahal por que consegue dar combates, mas é muito chato ver ele. Grazadeus o Miz e o Joe vieram pra representar os heels do Smackdown.

    E foda-se o Nakamura. Pior que nos meus cálculos se ele ganhar o título, vai ficar mais 6 meses na rota do título.

    E foda-se o RAW também. Quase nada tá bom por lá, mas pelo menos o Leslie reteu. Agora quero que ele retenha até a WM 35 ou a defesa contra o Strowman.

    Foda-se a Womens Division e toda essa merda de PW moderno.

    E Coreano é o melhor japonês que existe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. foda-se o seu foda-se rapá!

      #flawlessvictory

      Excluir
  2. Luta interessante, teve bons momentos e gostei do resultado com a vitória do Matt e a aliança com o Bray, não espero muito da aliança deles, mas naquele momento valeu.
    WWE Cruiserweight Championship Match: Boa luta, deram um tempo razoável e eles entregaram uma boa luta apesar da crowd morta que ia acompanhar todo o evento.
    WrestleMania Women's Battle Royal: Luta meh, detestei o resultado, a Becky merecia ser a campeã, final idiota só para surpreender e sair do obvio de Sasha ou Bayley.
    WWE Intercontinental Championship: melhor luta do evento, já era esperado e entregaram um bom combate, acho que o Balor merecia mais o título, mas o Rollins foi um bom campeão.
    SmackDown Women's Championship Match: Ficou um pouco abaixo do que eu esperava e esperava mais dificuldade e nearfalls para finalmente a Asuka perder a streak, mas serviu para manter o bom nível da wrestlemania ate ai e ser a segunda melhor luta do evento.
    WWE United States Championship: Luta mediana para ruim, mas o resultado estragou completamente, a WWE merece se fuder por ter impedido o Rusev de ganhar e aproveitado todo o momento dele com o Rusev day.
    Mixed Tag Team Match: as interações entre a Ronda e o HHH me fizeram hatear muito a luta, não gosto do HHH sendo feito de putinha por uma diva, tirando isso uma luta agradável em termos de entretenimento.
    SmackDown Tag Team Championship: luta merda, só valeu por ver o título finalmente sair dos Usos e New Day.
    The Undertaker vs. John Cena: Gostei da feud, a luta foi uma merda, mas dentro das condições do Taker o melhor que podia acontecer, foi menos melancólico que ele terminar a carreira perdendo pro desgraçado do Reigns, acho que agora já deu e é aposentar, não da mais pro Taker.
    Shane McMahon & Daniel Bryan vs. Kevin Owens & Sami Zayn: Melhor feud da wrestlemania, a luta me decepcionou e esperava mais do Bryan, ele tendo mais destaque e podendo fazer uma boa luta técnica com Owens e Zayn, não gostei de como a luta se desenvolveu.
    Alexa Bliss (c) vs. Nia Jax: feud ruim, luta pior ainda, elas tem 0 de química, Nia é a campeã que a WWE quer para entregar o título a Ronda.
    AJ Styles vs. Shinsuke Nakamura: Uma grande decepção, uma luta que seria uma merda ate no SD, a WWE teve nas suas mãos dois dos melhores wreslters do mundo lutando numa wrestlemania por um título e estragou, nada justifica, aquele turn no final foi uma merda, devia ter acontecido no Fastlane.
    The Bar (Cesaro & Sheamus) (c) vs. Braun Strowman & ???: Acho que a definição do Stone foi a melhor possível, WWE tentou criar um wrestlemania moment e foi apenas vergonhoso, algo nojento, uma das maiores merdas que já aconteceu na wrestlemania, eu assistia aquilo e só queria voltar no tempo e bater com um taco na mãe do menino até a vagabunda abortar, foi um desrespeito a Sheamus e Cesaro, arrasaram toda a divisão de tag do Raw, depois se perguntam porque todo mundo só quer saber de velhos.
    Brock Lesnar (c) (c/Paul Heyman) vs. Roman Reigns: uma merda de feud, uma merda de luta que o publico só acordou porque viu o Reigns sangrando e achou que ele tinha sido esfaqueado e ia morrer ali mesmo, o pior é que ainda continuaram a feud, Reigns falhou em todas as vezes que foi main eventer, Lesnar é um vergonha como campeão, o maior título da WWE é um peso e só proporciona lutas ruins.

    Wrestlemania sem nenhuma grande luta, evento ok ate a metade e no fim caiu num nível pior que a TNA.
    Nota final da Wrestlemania: 4.5

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 4.5 HAAHUEHUAHAUAHEUHUAHAUHEEHAA
      what a smark!

      No geral foi mediana, mas comparando com algumas WMs antes da 30 foi uma maravilha huahauahuaheha

      Excluir

NWO Nation | Todos direitos reservados © 2012-2018 Desenvolvido por: Ericki Chites